Seja muito bem-vindo ao nosso Sindicato   •     •   TaubatÉ / SP
 
     
 

NOTÍCIAS

26/11/2018

Debate sobre análise de conjuntura no 11º Congresso da FETEC-CUT/SP

A mesa de debate sobre análise de conjuntura realizada no 11º Congresso da Federação dos Bancários da CUT de São Paulo (FETEC-CUT/SP), conduzida por Aline Molina, presidenta da entidade, contou com a participação de Guilherme Boulos, ativista político, político, escritor brasileiro e membro da Coordenação Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto e Vagner Freitas, presidente nacional da CUT.

O debate avaliou o atual momento vivido pelos trabalhadores do país no atual cenário, em que um governo com uma pauta manifestamente retrógrada do ponto de vista social e economicamente ultraliberal e privatista, que defende a substituição do Estado pelo mercado mesmo na oferta de bens e serviços essenciais, e que já anunciou que pretende reprimir movimentos que forem contrários às pautas apresentadas pelo governo.

Segundo Guilherme Boulos, Bolsonaro é uma ameaça real à democracia brasileira, mas há esperança. “O Brasil é maior do que Bolsonaro. Não iremos nos acovardar, precisamos entender que ter posições diferentes dentro da sociedade é normal, em uma democracia. Mas precisamos discutir e apresentar a sua opinião. Precisamos ampliar nosso leque de propostas e dialogar com a população”, explica.

O perigo do próximo governo vai além dos riscos políticos, podendo atingir diretamente a liberdade de pensamento crítico, que é ameaçado pelo autoritarismo político que está por vir. A população que votou no novo governo representa menos de 30% da população, ou seja, existe espaço para diálogo com a sociedade. 

“A população quer segurança, combate à corrupção, a população quer ser respeitada e o Bolsonaro não significa nada disso. Precisamos nos reaproximar da população, estar junto do povo, retomar bandeiras que historicamente sempre pertenceram à esquerda”, e completa. “Há muito espaço para luta e enfrentamento na sociedade. Não será uma luta fácil, porém já passamos vários períodos turbulentos em nossa história e a classe trabalhadora sempre teve disposição para lutar e neste período não será diferente. Precismos inovar e buscar novas formas de fazer a luta”, conclui Vagner Freitas.

 

FONTE: FETEC CUT

•  Veja outras notícias
 
         
         
 
SINDICATO DOS BANCÁRIOS E FINANCIÁRIOS DE TAUBATÉ E REGIÃO
E-mail: contato@bancariotaubate.com.br    •    Telefone: (12) 3633-5329  /  (12) 3633-5366    •    WhatsApp: (12) 99177-4205
Filiado à CUT, CONTRAF e FETEC